Europa/França/Paris/StopOver

Paris dia 1 e o Passe Navigo Découverte

20120814-221021.jpg

Foto: vista da rua do apartamento

Chegamos em Paris de manhã na estação Paris-Bercy. De lá fomos de metrô até a estação Monteparnasse para reservar o trecho Paris-Frankfurt (a reserva custou 20 euros por pessoa com o passe Eurail de primeira classe), e também comprar o passe Navigo Découverte. O bom que já pode começar a usar o passe na mesma hora.

Passe Navigo Découverte

20120814-221642.jpgÉ um passe de transporte com chip e foto (já levei foto para usar). Dá direito a viagens ilimitadas em metrôs, ônibus, rer, tramway por uma semana ou mês dentro da zona escolhida.
Ele é ideal para quem chega no início da semana, sua validade é de segunda à domingo. Mas além de ser vendido com tarifas por semana tem a opção com outros valores para compra por mês.
Paga-se 5 euros pelo cartão e para carregar são várias as opções de preço dependendo da zona escolhida. No transporte, Paris é dividida por zonas, mapa: aqui (pdf).
Escolhi a opção que incluía zona 1 e 2 por 17,20 euros por pessoa. Os preços aqui (clica em “Les Tarifs”, os preços por semana é “Semaine”)
Ele é vendido em máquinas de venda automática ou nas bilheteiras das estações Transilien, RER e metro.
Página do Navigo Decouverte: aqui.

Fizemos check-in à 13hr no apartamento. (falei sobre como aluguei ele: aqui)
E depois fomos explorar Paris à pé.
O passeio começou em direção à Torre Eiffel, fomos receber as boas vindas da dama de ferro (rs).
Linda, linda, linda! Fiquei impressionada com o tamanho, não imaginava (mesmo vendo pela net, tv) que fosse tão grande tanto de altura como o espaço que ela ocupa. E pensar que ela só foi construída para uma exposição e depois seria demolida.

torre eiffel nos

Não subimos nesse dia, continuamos o passeio pelas margens do Rio Sena, passando pela Ponte Alexandre III (de 1896 é a mais longa e considerada a mais bonita de Paris), Invalides (hotel, museu das armas, igreja, tumba de Napoleão), Petit Palais (museu das belas artes) e Grand Palais (exposições de coleções) até chegar à avenida mais famosa do mundo: Champs Élysées (de 1667, o boulevar mais chique e caro de Paris). O bom é que como fomos em Dezembro ela já estava decorada para o Natal. Que avenida mais encantadora tanto que todos os dias que ficamos em Paris terminávamos o dia passeando por ela.

champs paris

Fotos antigas da Champs Élisées : aqui

Próximo Post: Paris dia 2: Paris Museum Pass e Museu Invalides

Anúncios

Deixe um Comentário! Seu email não será divulgado.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s